domingo, 22 de janeiro de 2012

DianaCS

Olá sou Dianacs filha do criador deste blog, gostaria de que fossem dar uma olhadinha no meu blog é sobre um jogo oline chamado stardoll.

Obrigada pela atenção DianaCS.

Aqui está o link:

http://odiadiadeumastardoll.blogspot.com/2012/01/o-dia-dia-de-uma-stardoll.html#!/2012/01/o-dia-dia-de-uma-stardoll.html

sábado, 14 de maio de 2011

Minutos de sabedoria

 NÃO dê ouvidos às intrigas e calúnias; só a árvore que produz frutos é que se vê apredejada, para deixá-los cair.

 A arvore estério ninguém dá importância.
 A calúnia, muitas vezes, é uma honrra para quem a recebe.
 Não pare seus serviços por causa da calúnia.
 Se pará de fazer o que estava fazendo, dá razão ao caluniador.
 Siga em frente, e todos acabarão colacando-se no fim ainda baterão palmas ao seu trabalho.

C.Torres Pastorino

segunda-feira, 7 de março de 2011

Antoine de Saint Exupéry

Antoine-Jean-Baptiste-Marie-Roger Foscolombe de Saint-Exupéry (Lyon, 29 de junho de 1900 - Mar Mediterrâneo, 31 de julho de 1944) foi um escritor, ilustrador e piloto da Segunda Guerra Mundial, terceiro filho do conde Jean Saint-Exupéry e da condessa Marie Foscolombe.



Biografia


Marco histórico na casa que foi de Saint-Exupéry (Quebec, Canadá).


Apaixonado desde a infância pela mecânica, estudou a princípio no colégio jesuíta de Notre-Dame de Saint-Croix, em Mans, de 1909 a 1914. Neste ano da Primeira Guerra Mundial, juntamente com seu irmão François, transfere-se para o colégio dos Maristas, em Friburgo, na Suíça, onde permanece até 1917. Quatro anos mais tarde, em abril de 1921, Antoine inicia o serviço militar no 2º Regimento de Aviação de Estrasburgo, depois de reprovado nos exames para admissão da Escola Naval.


A 17 de junho, obtém em Rabat, para onde fora mandado, o brevê de piloto civil. No ano seguinte, 1922, já é piloto militar brevetado, com o posto de subtenente da reserva. Em 1926, recomendado por amigo, o Abade Sudour, é admitido na Sociedade Latécoère de Aviação, onde começa então sua carreira como piloto de linha, voando entre Toulouse, Casablanca e Dacar, na mesma equipe dos pioneiros Vacher, Mermoz, Guillaumet e outros. Foi por essa época, quando chefiou o posto de Cap Juby, que os mouros lhe deram o cognome de senhor das areias


Faleceu durante uma missão de reconhecimento sobre Grenoble e Annecy. Recentemente, o alemão Horst Rippert assumiu ser o autor dos tiros responsáveis pela queda do avião e disse ter lamentado a morte de Saint-Exupéry.[1] Em 3 de novembro, em homenagem póstuma, recebeu as maiores honras do exército. Em 2004, os destroços do avião que pilotava foram achados a poucos quilômetros da costa de Marselha. Seu corpo nunca foi encontrado.


Obra


As suas obras são caracterizadas por alguns elementos como a aviação e a guerra. Também escreveu artigos para várias revistas e jornais da França e outros países, sobre muitos assuntos, como a guerra civil espanhola e a ocupação alemã da França.

Destaca-se O Pequeno Príncipe (O Principezinho, em Portugal) (1943), livro de grande sucesso de Saint-Exupéry. Foi escrito durante o exílio nos (EUA), quando teria feito visitas ao Recife.


O pequeno príncipe pode parecer simples, porém apresenta personagens plenos de simbolismos: o rei, o contador, o geógrafo, a raposa, a rosa, o adulto solitário e a serpente, entre outros. O personagem principal vivia sozinho num planeta do tamanho de uma casa que tinha três vulcões, dois ativos e um extinto. Tinha também uma flor, uma formosa flor de grande beleza e igual orgulho. Foi o orgulho da rosa que arruinou a tranquilidade do mundo do pequeno príncipe e o levou a começar uma viagem que o trouxe finalmente à Terra, onde encontrou diversos personagens a partir dos quais conseguiu repensar o que é realmente importante na vida.


O romance mostra uma profunda mudança de valores, e sugere ao leitor o quão equivocados podem ser os nossos julgamentos, e como eles podem nos levar à solidão. O livro nos leva à reflexão sobre a maneira de nos tornarmos adultos, entregues às preocupações diárias, e esquecidos da criança que fomos e somos.
 
Por:Diana Silva

sábado, 5 de março de 2011

Rick Riordan

Rick Riordan nasceu em 1964, em San Antonio, Texas, Estados Unidos, onde mora com a mulher e dois filhos. Durante quinze anos ensinou inglês e história em escolas públicas e particulares de São Francisco. Além da série Percy Jackson e os Olimpianos, publicou a premiada série de mistério para adultos Tres Navarre.

Obras:
Percy Jackson e os Olimpianos
  •  O Ladrão de Raios
  • O Mar de Monstros
  •  A Maldição do Titã
  •  A batalha do labirinto
  •  O Último Olimpiano

 Percy Jackson e os Olimpianos, Livros associados

  • Os Arquivos do Semideus
  • Semideuses e Monstros
  •  O Guia Supremo
Publicado no Brasil pela editora Ática. Só o primeiro livro foi escrito por Rick Riordan.
  •  O Labirinto dos Ossos - O único livro da série escrito por Riordan.
  •  Uma Nota
  •  O Ladrão de Espadas
  •  Além do Túmulo
  •  O Círculo Negro
  •  Nas Profundezas
  • O Ninho de Cobras
  •  O código do imperador
  •  Aviso de Tempestade
  •  Dentro da Luva

 Tres Navarre Series

  • A Grande Tequila Vermelha
  •  Etapa Mundinho de Dois
  •  O Último Rei do Texas
  • O Diabo Desceu a Austin
  • Southtown
  •  Estrada Missão
  •  (Ilha Rebelde
  • A Pirâmide Vermelha
  •  O Trono de Fogo
Por :Diana Silva

domingo, 25 de outubro de 2009

Alexander Gottlieb Baumgarten (1714-1767) - Alemanha

Alexander Gottlieb Baumgarten,
 filósofo alemão. Nasceu em Berlim. Durante seus estudos de filosofia , foi discípulo de Wolff (1679-1754). Posteriormente, passou a lecionar na Universidade de Frankfurt, ali permanecendo até sua morte. Algumas de suas obras principais: Metaphysica, Ethica philosophica, Aesthetica, Initia philosophia practicae primae, Philosophia generalis.

John Maxwell Coetzee Nobel de Literatura 2003

Foi o escritor sul-africano John Maxwell Coetzee o galardoado com o Prêmio Nobel de Literatura de 2003.
Tendo sido o quarto escritor africano a receber esta honraria e o segundo da África do Sul, pois em 1991  Nadine Gordine  (nascida em Johannesburg em 1923 - autora de mais de 30 livros — em sua maioria, crônicas sobre a deterioração social que afetou seu país durante o regime do apartheid) já havia ganho.


Coetzee nasceu na Cidado do Cabo em 1940, ele trabalhou como programador de computador.

25/10/2009 - O Começo

Disponibilizamos a atualização dos autores por países em nosso site Literatura e Leitura em 25 de outubro de 2009 conjuntamente com o Blog. É só o começo.